Sistema de Dados

Perdeu sua senha?

Repositório de Dados

Perdeu sua senha?

SEMANA DOS BEM-AVENTURADOS OS MISERICORDIOSOS

“Bem-Aventurados aqueles que são misericordiosos, porque eles próprios obterão misericórdia .”
Mateus: 5 (v. 7)

Amigos do Grupo

O dicionário é farto em sinônimos para a palavra misericordioso.
Misericordioso quer dizer aquele que age com: clemência, comiseração, compaixão, dó, indulgência, pena, piedade.
Bom será para nós aprendermos a ser misericordiosos para com as pessoas com quem convivemos, pois com certeza teremos que esperar que a Misericórdia Divina nos alcance.
Somos espíritos ainda imperfeitos, seres em evolução e sempre nos pegamos caindo em tentação.
Impacientamo-nos, julgamos atos alheios, nem sempre ou quase nunca perdoamos, somos severos com os erros do próximo, nos envaidecemos pelo que temos ou sabemos, deixamos nosso orgulho falar mais alto, mesmo que magoemos aqueles que amamos, quase sempre queremos mais.
Nunca admitimos que faltem com misericórdia para conosco, mas nem sempre agimos com misericórdia para com os outros.
Analisemos esta semana o quanto temos seguido este ensinamento de Jesus, para que na nossa hora de necessidade, o Criador, Pai Amado não nos falte com a misericórdia necessária.

Texto do Evangelho – cap. X itens 19/20/21

Possuímos o que damos

“É mais bem-aventurado dar do que receber.”-Paulo. (Atos, 20:35.)

Quando alguém se refere à passagem evangélica que considera a ação de dar mais alta bem-aventurança que a ação de receber, quase todos os aprendizes da Boa Nova se recordam da palavra “dinheiro”.
Sem dúvida, em nos reportando aos bens materiais, há sempre mais alegria em ajudar que em ser ajudado, contudo, é imperioso não esquecer os bens espirituais que, irradiados de nós mesmos, aumentam o teor e a intensidade da alegria em torno de nossos passos.
Quem dá recolhe a felicidade de ver a multiplicação daquilo que deu.
Oferece a gentileza e encorajarás a plantação da fraternidade.
Estende a bênção do perdão e fortalecerás a justiça.
Administra a bondade e terás o crescimento da confiança.
Dá o teu bom exemplo e garantirás a nobreza do caráter.
Os recursos da Criação são distribuídos pelo Criador com as Criaturas a fim de que em doação permanente se multipliquem ao Infinito.
Serás ajudado pelo Céu, conforme estiveres ajudando na Terra.
Possuímos aquilo que damos.
Não te esqueças, pois, de que és mordomo da vida em que te encontras.
Cede ao próximo algo mais que o dinheiro de que possas dispor. Dá também teu interesse afetivo, tua saúde, tua alegria e teu tempo e, em verdade, entrarás na posse dos sublimes dons do amor, do equilíbrio, da felicidade e da paz, hoje e amanhã, neste mundo e na vida eterna.

Livro Fonte Viva – lição 117
Emmanuel/ Chico Xavier