Sistema de Dados

Perdeu sua senha?

Repositório de Dados

Perdeu sua senha?

SEMANA DO AMOR CRISTÃO

“A Maior revelação de teu amor aparece brilhando quando permites que o Cristo em ti e contigo possa amar e servir aos outros sem procurar saber quem são e como são”.
Emmanuel

AMIGOS DO GRUPO

Em nosso Encontro de Trabalhadores ouvimos a fala do livro Paulo e Estevão onde Paulo questiona: o que fazer para adquirir a compreensão perfeita dos desígnios do Cristo? — Ama! — respondeu Abigail espontaneamente. Um chamado ao amor cristão.
Em tempos difíceis, quando a dúvida quiser invadir o nosso coração e trazer angústias para a nossa alma, devemos ficar atentos ao que ouvimos, vemos , falamos e fazemos.
Devemos filtrar o que vemos e ouvimos para que possamos falar e agir de maneira correta. E a melhor forma de fazermos isso é nos lembrando de que Jesus quando esteve entre nós, jamais deixou de agir com amor, tanto que nos instruiu: “Amai-vos uns aos outros”.
A cada dia temos a oportunidade de exercitarmos o Amor Cristão, que é aquele que não critica, não julga, não sentencia, não condena… Apenas procura compreender amando e auxiliando sempre!
Empenhemo-nos na real conquista e vivência desse Amor Cristão o quanto antes para que possamos, por onde andarmos, sermos “reconhecidos por muito nos amarmos”.

Texto do Evangelho para a semana:
Capitulo: XII – Item 8 – A LEI DE AMOR

A CANDEIA VIVA

“Ninguém acende a candeia e a coloca debaixo da mesa, mas no
velador, e assim alumia a todos os que estão na casa”. – Jesus.
MATEUS, 5:15.

Muitos aprendizes interpretaram semelhantes palavras do Mestre como apelo à pregação sistemática, e desvairaram-se através de veementes discursos em toda parte. Outros admitiram que o Senhor lhes impunha a obrigação de violentar os vizinhos, através de propaganda compulsória da crença, segundo o ponto de vista que lhes é particular.
Em verdade o sermão edificante e o auxílio fraterno são indispensáveis na extensão dos benefícios divinos da fé.
Sem a palavra, é quase impossível a distribuição do conhecimento. Sem o amparo irmão, a fraternidade não se concretizará no mundo.
A assertiva de Jesus, todavia, atinge mais além.
Atentemos para o símbolo da candeia. A claridade na lâmpada consome força ou combustível.
Sem o sacrifício da energia ou do óleo não há luz.
Para nós, aqui, o material de manutenção é a possibilidade, o recurso, a vida.
Nossa existência é a candeia Viva.
É um erro lamentável despender nossas forças, sem proveito para ninguém, sob a medida de nosso egoísmo, de nossa vaidade ou de nossa limitação pessoal.
Coloquemos nossas possibilidades ao dispor dos semelhantes. Ninguém deve amealhar as vantagens da experiência terrestre somente para si. Cada espírito provisoriamente encarnado, no círculo humano, goza de imensas prerrogativas, quanto à difusão do bem, se persevera na observância do Amor Universal.
Prega, pois, as revelações do Alto, fazendo-as mais formosas e brilhantes em teus lábios; insta com parentes e amigos para que aceitem as verdades imperecíveis; mas, não olvides que a candeia viva da iluminação espiritual é a perfeita imagem de ti mesmo.
Transforma as tuas energias em bondade e compreensão redentoras para toda gente, gastando, para isso, o óleo de tua boa-vontade, na renúncia e no sacrifício, e a tua vida, em Cristo, passará realmente a brilhar.

Do livro: FONTE VIVA
Pelo Espírito: Emmanuel
Psicografia de: Francisco Cândido Xavier

Vem aí o Evangelho do Obreiros, dia 08/12 as 18hs.

impressora