Sistema de Dados

Perdeu sua senha?

Repositório de Dados

Perdeu sua senha?

SEMANA DE BEM OUVIR

“Saber ouvir é tão importante quanto saber falar.
Veja com bondade e ouça com lógica.”
André Luiz

Amigos do Grupo

Saber ouvir é um aprendizado que necessitamos exercitar sempre. Existem lugares para falar e lugares para calar.
Se estamos em uma igreja, em uma sinagoga, em um velório, em uma sala de aula necessitamos saber ouvir com atenção para melhor aproveitamento e só falar no momento certo.
Quando entramos num salão de palestra é necessário aprender a ouvir e tirar o melhor proveito daquilo que for ouvido.
Aqui no nosso salão, enquanto aguardamos o passe os amigos espirituais já estão trabalhando em nossa melhora seja ela física, espiritual, mental, emocional. Se nos mantivermos em situação de silêncio, bons pensamentos, fé, esperança, meditando naquilo que ouvimos do expositor, o efeito, a ajuda será muito maior.
Aprendamos a cultivar o silêncio para ouvir nossas vozes interiores e com certeza aprendendo a ouvir aprenderemos também a falar com maior proveito.
O evangelho nos ensina que é mais sábio calar para deixar falar alguém mais tolo, do que falar na hora incerta a palavra errada. Quando estivermos no salão de palestras usemos os momentos pré passe para silenciar e aproveitar o tratamento.

Texto do Evangelho – A Caridade Segundo São Paulo cap.XV item 6

VER E OUVIR

A visão e a audição devem ser educadas, tanto quanto as palavras e as maneiras.
Em visita ao lar de alguém, aprendamos a agradecer o carinho do acolhimento sem nos determos em possíveis desarranjos do ambiente.
Se ouvimos alguma frase imperfeitamente burilada na voz de pessoa amiga, apreciemos a intenção e o sentimento, na elevação em que se articula, sem anotar-lhe o desalinho gramatical.
Veja com bondade e ouça com lógica.
Saibamos ver os quadros que nos cercam, sejam eles quais forem, sem sombra de malícia a tisnar-nos o pensamento.
Registrando anedotas inconvenientes, em torno de acontecimentos e pessoas, tenhamos suficiente coragem de acomodá-las no arquivo do silêncio.
Toda impressão negativa ou maldosa que se transmite aos amigos, em forma de confidência, é o mesmo que propinar-lhes veneno através dos ouvidos.
Em qualquer circunstância, é preciso não esquecer que podemos ver e ouvir para compreender e auxiliar.

Livro Sinal Verde
André Luiz e Francisco Cândido Xavier